Discurso de Elevador - Blog e Consultoria Online DDE Comunicação

Fale conosco - 41 92412944 / 21 982055883 discursodeelevador@ddecomunica.com

Feedback sobre o feedback

O feedback é uma ferramenta muito importante em qualquer atividade profissional. É normal as pessoas desejarem um retorno sobre o seu desempenho, comportamento ou resultados. Dessa forma, esperam melhorar sua performance, mudar determinada atitude e, assim, alcançar um nível de eficiência maior. Afinal, todo bom profissional quer se desenvolver.   

No momento de uma reunião de feedback, algumas recomendações devem ser observadas para que essa troca seja a mais produtiva possível e dê os resultados esperados. O feedback deve ser sempre educativo, jamais punitivo, sob risco de perder a sua funcionalidade. A conversa não deve girar apenas em torno das críticas ou pontos de melhoria, pelo contrário. Sempre comece o diálogo exaltando as coisas boas da outra pessoa. Elogios sinceros costumam diminuir as defesas do seu interlocutor e dissolver parte da tensão da conversa. Aliás, importante que o encontro seja num ambiente em que as duas pessoas se sintam à vontade. Dar feedbacks na frente da equipe também não é recomendado.  

Comprove seus comentários, positivos ou negativos, com argumentos e exemplos. Embase aquilo que está dizendo para não parecer genérico. Se o João não tem respeitado prazos de entrega, cite os casos em que ele atrasou seu trabalho. Importante também escutar. Depois de comunicar a sua avaliação, ouça as respostas ou argumentos do outro, de preferência sem retrucar. Se achar pertinente, faça anotações numa folha.

E para fechar a conversa, basta uma breve recapitulação do que foi discutido, sem se estender demais. Afinal, vocês não devem continuar discutindo indefinidamente. É preferível concluir logo e deixar um “vazio” no outro, para que ele continue pensando sobre o assunto depois, sozinho. É como numa sessão de psicanálise: o paciente só reflete sobre o que foi dito depois que deixa o divã e já está em casa.

 

E se você perceber que a conversa teve resultados visíveis na conduta da outra pessoa, não deixe de dizer a ela que você percebeu. Ela irá gostar. Os elogios são sempre bem-vindos.